23/08/2016 • Uncategorized

Julianices & Carolices: 5 coisas para fazer na cidade maravilhosa!

Oi, Gente, tudo bem? Aqui no Rio tá todo mundo no clima deprê pós olimpíada, mas ainda bem que no dia 7 os jogos paralímpicos começam. Daí, separei cinco coisas que você precisa fazer enquanto estiver por aqui. Ah! A maioria das programações você pode fazer em outra época também. 😉 

1. Cristo Redentor

papel_de_parede_de_vista_do_corcovado-34569
É a cara do Rio, né? Todo mundo tem que visitar pelo menos uma vez na vida. Mas tenho que confessar um absurdo: nunca visitei =( #cariocafajuta hahaha Mas juro que esse ano, ele não me escapa. Afinal, é uma das sete maravilhas, que merece toda essa fama. Aqui de longe, ele é incrível. Imagina pertinho de braços abertos! <3 Mais informações: https://cristoredentoroficial.com.br/ingressos

2. Casas Temáticas

mZT_9gfl
Durante as Olimpíadas várias casas temáticas de vários países estavam espalhadas pelo Rio de Janeiro. É muito legal, gente. Dá para conhecer um pouquinho da cultura de cada país, experimentar comidas típicas, entre outras coisas divertidas. Durante os jogos paralímpicos, algumas continuam abertas, como a Casa da Suíça, que estou louca para conhecer. Aqui nesse site tem mais detalhe: https://www.rio2016.com/noticias/guia-das-casas-tematicas-dos-paises-durante-o-rio-2016. 😉

3. Tomar café da manhã na Confeitaria Colombo (Centro do Rio ou no Forte de Copacabana)

unnamed
Fundada em 1894, a Confeitaria Colombo (a do Centro) é a mais linda de todas. A clássica é a do Centro, mas a do Forte de Copacabana é a minha preferida. Tomar café da manhã lá é uma das melhores coisas da vida. Fora o visual que é a sua melhor companhia. Comemorar o niver lá é uma ótima pedida. Só que chega cedo, eles não reservam (nos fins de semana não). 😉 Para mais informações: http://www.confeitariacolombo.com.br/

4. Ler livro no Bloise Bistrô

13775952_501747286684067_8054719112037868686_n
Uma das melhores entrevistas de emprego que eu fiz foi nesse bistrô. Não dá vontade de sair de lá por nada. Um ambiente bem aconchegante, uma comidinha mara. Fica em Botafogo, pertinho do metrô. Enquanto eu esperava, fiquei lendo e foi uma espera maravilhosa. Pena que é longe da minha casinha. 😉 Mais informações: http://www.pasticceriabloise.com.br/contato/

5. Boulevard Olímpico

28520833330_ab00440102_k
Uma atração que me surpreendeu bastante durante as Olimpíadas foi o Boulevard Olímpico. Nunca vi o Centro do Rio tão lindo e tranquilo de andar (no quesito segurança). Durante os Jogos Paralímpicos, o Boulevard vai ficar aberto também. Ieba!!! Vale a pena, gente. Tem muita coisa legal para fazer e para quem gosta de aventura (que não é o meu caso hahaha), anota aí: tem voo de balão (esse da imagem) e bungee jump. Mais informações: http://www.boulevard-olimpico.com/.
É isso, gente! :) Quem tiver mais dicas, pode acrescentar nos comentários. 
Beijo, Carol. 
****
Não deixem de visitar o blog da Carol – Pequena Jornalista que está de aniversário e sorteando coisas linduxas, inclusive uma ilustração minha! ÊÊÊ \o/!!
18/08/2016 • Blogagem Coletiva

Discípulas de Carrie – Cosmo Tag – Comidas Favoritas

Post da blogagem coletiva das Discípilas de Carrie! VEM QUE VEM!

CosmoTag – Minhas 5 comidas favoritas: Não consegue ficar uma semana sem comer a tão amada pizza de Pepperoni? Quando tem lasanha no almoço quase vai a loucura? Se te convidam pro sushi, aceita na hora? Dá desfalque no buffet quando tem macarrão a bolonhesa? Por ordem de preferência, quais são as suas 5 comidas favoritas?

Bom, como tem que ser por ordem de preferência, vou fazer do número 5 até o número 1 – O melhor pro final. Vamos começar.

Minhas 5 comidas favoritas

 

5- Churrasco

As veggies que me desculpem, mas carninha é fundamental. Não sou daquelas que precisa comer carne todo dia, mas adoro um churrasco, pela comida e pelo ambiente, nunca fui em um churrasco triste, desanimado, sem graça. É sempre divertido, com amigos ou familiares, é reunião!

4 – Brasileirinho

Adoro a nossa comida, Arroz, feijão, bife, farofa e vinagrete, hummm, dá água na boca só de pensar! Delícia mesmo!

3 – Árabe

É por causa da cara de turca? Não sei, sei que todo mês tem que rolar um kibe cru, coalhada seca, tripa recheada, esfiha (do habbibs não vale!), charutinho, etc. Adoro um Árabe!

2 – Pizza

Hoje sou uma pessoa melhor, mas na minha adolescência, pizza rolava em casa pelo menos 2 vezes por semana. No mínimo! Éramos cliente fieis de uma pizzaria perto de casa, ô delícia! Manda meia marguerita, meia 4 queijos!

1 – Sobremesas de chocolate

Isso conta como comida favorita? Amo doces de chocolate ou o próprio chocolate, ele não estaria em posição melhor no raking! Esse primeiro lugar vai para todos os petits gateaus, brownies, bolos de chocolates da tia célia, milkshakes de ovomaltine, brigadeiros, etc.

E vocês, quais suas comidinhas prediletas?

Este é mais um post especial do grupo “Discípulas de Carrie
10/08/2016 • Uncategorized

Projeto OldMail – O que cabe dentro do envelope

Essa rodada do OldMail foi tão legal! A proposta foi a seguinte:

O que cabe dentro de um envelope?

Dessa vez nada de caixa, vamos preparar com muito carinho, um envelope cheio de fofuras. E vou ser sincera, cabe muita coisa dentro de um envelope.

 

 

Minha parceira foi a Grazy do blog Parolar, a gente já se conhecia e foi divertida essa história de ter que enfiar tudo que queria mandar em um envelope, estávamos acostumadas com caixas! Mas foi mega gostoso.

Mas vamos ao que interessa, as fotos das coisinhas que a Grazy me mandou. ÊÊÊÊÊÊ. \o/!!!

Oldmail7 Oldmail3 Oldmail4

Eu estou enlouquecida com essas coisas, já comecei a decorar meu caderninho de posts, tanta coisa fofa! Além dos post-its, adesivos, recortes, a Grazy mandou algumas coisinhas da Alice, que eu já usei para decorar meu Ramsés aqui e mini cataventos fofos!

Oldmail8

Não é pura fofura?! Meu estoque de coisas fofas está bombando agora, quero decorar tudo, não para na minha frente que tô decorando até a testa das pessoas!rsrsrs

Julianices & Carolices – Top 5: Atletas que arrancam suspiros!

Oi, Pessoal. Tudo bem? Caso não esteja, tenho certeza de que todo mundo vai ficar mega bem depois  desse post do Julianices & Carolices. Tive a árdua missão de selecionar os cinco atletas mais gatos das Olimpíadas 2016. Chato foi ter que selecionar apenas cinco, mas regras são regras. O que eu levei mais em conta? Carisma e o sorriso. Duas coisas que contam muito para mim. Ah! Dica para as solteiras: dizem por aí que alguns estão no Tinder hahaha. ;p

1. Novak Djokovic, do Tênis (Sérvia) 

 
636007413404958171-USP-TENNIS-FRENCH-OPEN-DJOKOVIC-VS-MURRAY-82398380

O tipo de cara que chama a minha atenção por ter um jeito fofo e muito carismático. Ele perdeu com tanta classe no jogo de domingo, que para mim continua sendo o melhor do mundo (nem sei se na real ele continua, mas deu para entender meu pequeno mole pra ele hahaha #brincadeirinha #sqn), gente. O tipo de atleta que tem o verdadeiro espírito olímpico. Fora que é lindo, maravilhoso, Deus Grego e tudo mais. Te amo, Djoko. Juro que da próxima vez não serei tão pé frio (sim, gente, ele perdeu por minha causa, primeiro jogo que assisti e #fuén, ele perdeu) hahaha. <3

2. Arthur Nory, da Ginástica Artística (Brasil) 

 
fig_ag_world_championships_2015_arthur_nory_-_bra_32

O tipo de cara que é lindo por fora e, tudo indica, lindo por dentro também. Não parece nariz em pé e talento não falta. Mas o que mais chama a minha atenção? O sorriso. O Brasil está bem representado na categoria “melhores sorrisos da Olimpíada” ownnnn!! <3 <3

3. John Gordon Perrin, do Vôlei (Canadá) 

 
atletagord

Só vou falar algumas coisinhas: gato e quem tiver interesse, ele é um dos atletas “disponíveis” no Tinder. Obrigada. De nada! ;p

4. Petr Koukal, do Badminton (República Tcheca)

 
Carolices - Atletas

Já falei que sou fã desse esporte olímpico? Sou! E quando “conheci” Petr, fiquei mais ainda. Não sei se ele é do tipo cara gato, que chama atenção por onde passa, mas ele chamou muito a minha. O charme faz toda a diferença, gente!! Dia E ele tem, hein?? =DDD

5. Marcelo Chierighini, da Natação (Brasil) 

 

gettyimages-522341474
​​
E já que somos brasileiras, mais um atleta brasileiro gato para a listinha! <3 Esse sorrisinho mata qualquer um, né não gente?? Partiu nadar ???? hahaha
***
Gostaram dessa mini lista, gente? Espero que sim <3! Claro, que muito atleta gato ficou de fora. Então, podem me dar uma ajudinha para complementar esse post? Quais atletas vocês acrescentariam??? 
Beijos, Carol. 
***
Viocê já sabem, lembrem de visitar o blog da Carol também! O Pequena Jornalista é sempre cheio de posts lindos!
07/08/2016 • Entretenimento, Livros

Entrevista Soraya Abuchaim

Até eu te possuir por Soraya Abuchaim

Esse post é especial, não, mais do que especial, é ULTRA MEGA BLASTER Especial.

A escritora do livro Até Eu Te Possuir , Soraya Abuchaim, é uma amiga conhecida, ela é a  dona do blog Meu Meio Devaneio. Sempre acompanhei o blog, pois encontrava ótimas resenhas e indicações de livros diferentes que me interessavam muito. A Soraya já havia publicado alguns contos e agora surge com esse romance que eu já tive o prazer de ler e me apaixonei.

ate-eu-te-possuir

SINOPSE

Johanna Dorne é uma mulher que perdeu todas as pessoas que amou. As tragédias de sua vida começaram com um acontecimento marcante quando ela tinha 13 anos. Três décadas depois, ela se transformou em uma mulher solitária, confusa e inclinada à autocomiseração, que não consegue manter contato social com ninguém. Até conhecer Michel Brum, um homem charmoso e misterioso que a resgata de sua vida patética, devolvendo-lhe a felicidade há tanto tempo perdida. Só que Michel acaba mostrando que não é tão perfeito assim, e um segredo mortal jogará Johanna novamente em um abismo.

Assim que eu terminei a leitura mandei mensagem pra Sô perguntando se ela topava fazer um entrevista aqui para o As Besteiras e ela topou!

Entrevista Soraya Abuchaim

Sobre o Livro

ABQMCO livro Até eu te possuir é um suspense daqueles que nos prende até o fim da história. O que te incentivou a escrevê-lo.

Em primeiro lugar, minha paixão pelo suspense. Todas as vezes que imagino uma história, um pouco de sangue sempre está presente (risos). Com base no desejo de instigar o leitor, criei a história de Até eu te possuir que, como costumo dizer, começou com uma ideia bem simples e foi crescendo, tomando uma proporção que eu não imaginava.

ABQMCComo foi a construção da história do livro, você utilizou materiais para referências ou se inspirou em pessoas/fatos reais?

O relacionamento da Johanna e do Michel foi inspirado em uma trama da Elizabeth Haynes. Lendo esse livro tive ideias para compor o amor dos dois. De resto, foi tudo fruto da imaginação mesmo, aliada a todos os livros que eu já li na vida e que me deram base para escrever.

ABQMCSobre os personagens, em algum momento você se sentiu ligada a eles ou foi apenas um relacionamento profissional mesmo (risos)?

A Johanna tem um pouco dos meus gostos pessoais, embora uma história de vida completamente diferente, claro. Mas como minha primeira protagonista, fiz questão de colocar um pouquinho de mim nessa composição. Sofri muito com ela, em cada passagem, mas eu sempre tento ficar meio neutra na história (porque assim, se precisar matar algum personagem, eu não sofro (risos)). Outro com o qual eu me liguei bastante foi o Joel, mas não falarei muito para não dar spoiler (risos)

ABQMCMinha mãe diz que um bom livro deve ter um bom vocabulário. Essa foi uma das coisas que me chamou a atenção em Até eu te possuir, pois tem uma escrita rica vocabulário, sem tornar a leitura cansativa. Isso foi pensado/trabalhado? Ou foi algo que simplesmente aconteceu?

Pode parecer pretensão da minha parte, mas simplesmente aconteceu. Acho que como gosto muito dos clássicos e sou fascinada por livros com vocabulário mais rico, fui aprendendo a escrever dessa forma, sempre explorando a nossa língua portuguesa.

ABQMCQuando leio (qualquer livro) acho que o autor não demorou mais do que alguns dias, semanas no máximo para escrevê-lo, sei que não é bem assim. Como foi o seu processo de escrita, você escrevia todos os dias? Chegou a mudar o rumo da história alguma vez?

Eu tinha a história pronta na cabeça, mas o final ainda estava indefinido quando comecei, e eu só soube o que realmente ia acontecer quando cheguei quase nas últimas páginas. Eu demorei uns 8 meses para finalizar, mas não escrevia todos os dias pela correria da rotina. Só que como é muito fácil procrastinar, eu tentava me forçar a sentar na frente do computador e produzir alguma coisa sempre que conseguia, avançando pouco a pouco na história.

Sobre a escritora:

ABQMCQuais são seus livros e escritores favoritos?

Meus escritores favoritos são Stephen King (em primeiro lugar, sempre), Mary Higgins Clark, Agatha Christie, Liza Klaussmann, Jane Austen, Gillian Flynn, Ray Bradbury e muitoooos outros (eu escreveria umas vinte páginas se fosse citar todos). Adoro os livros clássicos, e recentemente comecei a descobrir uns nacionais excelentes também, com os da Camila Pelegrini, Juliana Daglio, Rodrigo Moreira, Luiz Henrique Mazzaron, Andre Mansim, entre outros.

ABQMCQual seu livro de cabeceira?

Nossa! Que pergunta difícil!! Não sei se consigo responder (risos). São tantos… Eu seria injusta de escolher apenas um!

ABQMCJá tem algo novo sendo preparado?

Sim! Estou na metade do próximo livro, também estou escrevendo outro suspense em coautoria com a escritora Brooke J. Sullivan e comecei recentemente mais uma história que não saía da minha cabeça e implorava para ser colocada no papel. E penso, claro, em escrever a continuação de Até eu te possuir, mas esse é um projeto mais a médio prazo.

ABQMC Alguma dica para quem tem vontade de escrever, mas não sabe por onde começar?

Posso dizer que o mais difícil de escrever é… sentar e escrever. Quando estamos começando (e ainda hoje sinto isso) ficamos com um certo medo da tal “folha em branco”. Então, minha dica é: anote as ideias para a sua história (se quiser, já esquematize em capítulos) e simplesmente comece. Mesmo que não tenha o desfecho, mesmo que ainda não saiba como será um personagem… Vá em frente que a escrita vai sair, pode acreditar. Escrever é muito mais força de vontade do que imaginação. Essa é consequência do exercício da escrita.

Outra dica valiosa: se você quer escrever, leia muito, muito mesmo!

ABQMCSô, agora vou deixar o espaço aberto para você falar o que quiser, fique a vontade.

Eu queria dizer que tudo isso é a realização de um sonho (nossa, soou clichê, né? Mas é verdade…). Ver as pessoas lendo meu livro é uma imensa satisfação e eu sou muito grata a cada um dos leitores. Fico toda emocionada com os feedbacks que recebo, e muitos ciscos têm caído no meu olho ultimamente (risos). Obrigada, de coração!

***
O lançamento do livro será na Bienal de São Paulo esse ano, no estande da Modo Editora (Rua NO79, Pavilhão 12). Nos dias 27/08 às 18:30 e 28/08 às 16:45 a Soraya estará lá!

Para quem tiver interesse, o livro já está em pré-venda no site da editora, e quem adquiri-lo ganhará brindes exclusivos. O link para comprar Até eu te possuir é http://goo.gl/eLdati.

Quem quiser entrar em contato com a escritora, pode buscá-la nas redes sociais

Facebook: https://www.facebook.com/sorayaabuchaimescritora/

Instagram: @soraya_abuchaim

Twitter: @SolAbuchaim

Todos os direitos reservados © 2016 • powered by WordPress • Layout por Juliana Bittar • Desenvolvido por